30 maio

Bazar Chic Infantil 2016

Olá meus amores.
Vamos falar de um assunto que toda mamãe adora. Tem coisa mais gostosa que vestir o seu pequeno com roupas e sapatos de marcas conceituadas como Tommy, Raplh Lauren ou Burbery, pagando um precinho fofo nelas?

Eu sou suspeita em falar. Quando montei o enxoval do JP, comprei grande parte fora. Aproveitei que o dólar estava baixo e comprei muita coisa. O que hoje está um pouco impossível né, já que a moeda estrangeira está lá nas alturas.

Dessa forma, é que surge a ideia do Bazar Chic Infantil. São várias peças do vestuário infantil, entre roupas, sapatos e acessórios, de marcar conceituadas com preços acessíveis, sendo que muitas delas são importadas, com descontos que chegam até 70% do valor de mercado.

IMG_9942

(mais…)

19 maio

Criando bons habitos alimentares desde pequeno

Em tempos modernos, em que as crianças ditam as regras sobre o que comer, isso precisa ser mudado com a educação alimentar. Sabemos que a correria do dia-a-dia nos impede de fazer todas as refeições em família, mas o ideal é que pelo menos uma refeição seja feita dessa maneira. A refeição em família vai estimular desde pequeno esse estilo de vida, afinal a família tem um importante papel na educação alimentar da criança. Precisamos investir em tempo e paciência na alimentação dos nossos filhos e isso se consegue através do nosso exemplo. É importante ensinar desde a infância, pois, através do que é ensinado à criança influencia diretamente nas escolhas alimentares durante a fase adulta.

5a13656c034b23b20c9db795e51aa89c

(mais…)

17 maio

CISBEI 2016: EU FUI

Olá meus amores, tudo bem…

CISBEI 1

No último dia 14 de maio, em Goiânia – GO, foi realizada a I Conferência Internacional Sobre o Bem Estar Infantil, a CISBEI 2016. Foi um dia todo voltado para nos ensinar sobre a importância do bom desenvolvimento dos nossos filhos, a importância da família e nosso papel dentro dela. E é claro que fui e pude conferir de perto tudo o que aconteceu.

Ao total, foram quatro palestras que abordaram diversos temas sobre isso. A abertura de palestras se teve com a renomada escritora norte americana Melinda Blau, que teve toda sua fala traduzida simultaneamente, com auxílio de fones de ouvido. Ela abortou o tema “O Benefício da Rotina e dos Bons Hábitos da Educação Infantil”, começando sua reflexão falando como se faz uma família, os seus indivíduos e nos faz uma pergunta que, na minha opinião, é bem a nossa realidade. Estamos criando uma geração de crianças egoístas?

Melinda afirma que mimar não é a solução. As crianças não devem ser o “rei” da família, e sim, fazer parte da mesma. Precisamos, acima de tudo, focar na família para termos crianças felizes, pois elas brilham quando vêm de uma família forte. (mais…)

10 maio

Mães: Somos Todas Iguais

Olá pessoal.

Como foi o dia das mães por ai? Aproveitaram muito ao lado daquela que faz tudo para ter os filhos por perto e bem!?
E você mamãe? Aproveitou seu dia para ser paparicada?

Aqui o dia das mães foi lindo, com direito a desejos realizados e muito carinho recebido.

Mas esse post é para falar que as mães têm personalidades e histórias diferentes. Umas optaram pelo parto normal; outras, cesária.
Umas amamentaram; outras não conseguiram. Muitas decidiram voltar ao trabalho; outras, desistiram da carreira em prol dos filhos.

Porém, todas – sem exceção – tem algo em comum: a Maternidade!

Todas nós temos os mesmos medos e anseios quando se tratam dos nossos filhos. E pensando nisso, a Mila do Blog Mundo da Mãe fez uma homenagem linda ao dia das mães,
mostrando que somos todas iguais.

O resultado ficou lindo, encantador e super emocionante.

Confira o resultado. (mais…)

07 maio

Parabéns Mamães!

13

Nunca me disseram o que é ser mãe.

O que sempre mostram é o lado bonito da maternidade, dos sorrisos felizes e dos dias tranquilos ao lado do seu bebê.

Mas não te falam como será difícil as suas noites, as dores que irá sentir, do medo de não conseguir cuidar de um ser tão pequenininho e da insegurança que nos rodeiam.

Não te contam como sua vida irá se transformar a partir do momento em que você se torna mãe. Não terá mais o “seu momento”, terá que fazer seus horários em torno dos horários do seu filho e aquela roupa tão linda que você quer usar pode não conseguir devido ao fato de ser difícil na hora de amamentar.

E quando aquele bebezinho tão lindo está chorando? Dizem que mãe sabe sempre porque do choro do seu filho, mas na realidade, não sabemos. E é nessa hora que o desespero bate.

(mais…)

04 maio

Os prejuízos do uso de celulares por crianças e bebês

Estamos vivendo numa era onde a tecnologia faz parte do nosso dia-a-dia. Nossos filhos já fazem parte de uma geração onde não sabem o que é viver sem a internet. Porém, o uso dos aparelhos celulares e tablets por crianças e bebês tem aumentado muito gerando muita preocupação para os especialistas.

Um estudo feito pelo Comitê Gestor da Internet revela que em 2014, 82% dos jovens entraram na rede através de um dispositivo móvel, enquanto 56% navegaram através de um computador fixo, sendo que na pesquisa foi ainda constatado que 81% dos jovens na faixa etária de 9 a 17 anos se conectam todos os dias na internet.

WhatsApp-Image-20160504

Não dá para negar que o uso do aparelho pelos jovens diminui (e muito) a ansiedade vivida pela separação entre pais e filhos, já que os pais conseguem se comunicar mais rapidamente com os pequenos, como avisar possíveis atrasos para buscá-lo na escola ou diminuir a saudade durante uma viagem de trabalho. A sensação de abandono que o filho poderia vir a sentir fica descartada com o uso dos celulares.

Porém, um fator a ser considerado é que o celular pode ser um meio de comunicação fácil e rápido entre pais e filho, mas também permite que a criança esteja conectado a rede onde têm acesso as redes sociais e aos perigos que a internet trás, como por exemplo a pedofilia. Há ainda, um agravante: uma criança com um aparelho celular em mãos se torna alvos fáceis de ações criminosas, já que o celular é o item mais roubado no país.

(mais…)

29 abr

Como emagrecer com saúde, por Mari Teixeira

Hoje vou falar um pouquinho de como eu emagreci após o nascimento do meu filho.

Conforme falei para vocês anteriormente, no final da minha gravidez estava com 85 quilos, engordei 28 quilos na gravidez.

Quando ele nasceu eu comecei a dar mama imediatamente para que começasse a perder todos aqueles quilos que tinha ganhado durante a minha gestação.

Mas ficava frustada de não estar perdendo tão rápido todo aquele peso que tinha conquistado, pois comi muito durante a gravidez.

Em dois meses eu perdi 5 quilos, mas ai veio um problema , o Gabriel estava abaixo do peso, então tive que começar a dar mamadeira pra ele , então foi quando comecei a perder quilos bem lentamente, até que ele largou totalmente o peito e ficou só no leite artificial.

dieta

Pronto! Eu não emagreci mais nada, entrei em desespero , como ia perder aqueles 20 quilos, comecei a fazer dietas malucas , como ficar sem comer nada à noite ou comer só salada, mas dava certo durante um tempo, depois eu acabava voltando a comer tudo novamente e ainda mais. Fiquei durante um ano e meio no efeito sanfona: engordava e emagrecia.

Foi então que, em Março de 2015,  decidi emagrecer de um modo saudável. Conheci a dieta dos pontos do Dieta e Saúde e foi ai que comecei a emagrecer realmente.

(mais…)

29 abr

Quer ter saúde e de quebra emagrecer? Então, vamos comer!

Nada de pensar naquela lasanha, picanha, sorvete e em muitas outras comidas super calóricas. E nem adianta falar que não pensou, porque pensou sim!

Assim como as refeições principais (café da manhã, almoço e jantar), as intermediárias também são de suma importância para nossa saúde e manutenção do peso, já que elas atuam na liberação e redução de hormônios.

LancheIntermediario

Selecionamos algumas perguntas mais frequentes sobre esse assunto, para que você possa compreender o porquê é essencial se alimentar bem e não passar muito tempo em jejum:

  1. Porque uma dieta funciona muito bem para uma pessoa e nada para mim?

Precisamos entender que cada corpo tem um metabolismo, ou seja, todos os estudos e dicas se baseiam no metabolismo da maioria, sendo assim nada substitui o acompanhamento de um especialista. Se essa ou aquela dieta ou exercício não deu certo para você, não se preocupe isso pode acontecer.

  1. Existe uma quantidade mínima de vezes que preciso me alimentar por dia?

A média é de 05 a 06 refeições, sendo: três alimentações principais (café da manhã, almoço e jantar) e três lanches intermediários (lanche da manhã, da tarde e ceia).

(mais…)

22 abr

Síndrome Mão-Pé-Boca

Quando se é mãe qualquer febre, falta de apetite e pequeno amoado deixa nossas noites movimentadas, os cabelos em pé e o coração partido, não é verdade? Sem dizer que, como em um passe de mágica, nos tornamos as melhores especialistas e sempre temos os melhores diagnósticos.

Um belo dia JP começou um quadro de febre alta, com temperatura beirando os 39 graus, falta de apetite e bem amoadinho. Como ele ainda estava na fase de ruptura dos dentes (principalmente os caninos) acreditei que fosse febre relacionada à dentição. Porém, após três dias de febre alta, começou a surgir umas manchinhas vermelhas na sola do pé e nas mãos que mais se parecia com pequenas bolhinhas.

IMG_3502

Na época havia um surto de Zika Vírus e quando vi as manchinhas vermelhas já suspeitei que fosse. Corri para um pronto atendimento e foi solicitado um exame de sangue, que descartou o Zika Vírus (graças a Deus)! Levei até a pediatra do pequeno que, assim que o examinou, constatou que ele estava com virose “mão-pé-boca”.

Na hora que ela me disse me assustei, pois não conhecia essa doença, mas ela me acalmou e disse que é comum na idade do JP e que o tratamento era simples, porém, não podia deixá-lo ter contato com outras crianças por correr o risco de trasmissão.

Ele ficou uma semana com quadro de febre, falta de apetite, garganta irritada (por conta de aftas que surgiram) e surgiram várias outras bolhinhas nos pés, mãos e perninhas dele. Mesmo melhorado os sintomas, as bolhinhas ainda permacerem e só sumiram depois que estouraram.

(mais…)

22 abr

Alimentos da estação – Por Mari Teixeira

 

fruta

Olá Mamães e Papais,
Tudo bem?

O outono chegou e com a mudança de estação, vem uma nova safra de frutas e legumes, por sinal a estação é considerada das frutas pelas variedades que encontramos nesta época.

A safra nada mais é que o período em que o alimento é mais produzido e quando é mais rico nutricionalmente.
Consumir as frutas e legumes da estação é melhor para a saúde,  tem mais nutrientes, e o valor é muito favorável a nós.

(mais…)

© 2016 . Todos os direitos reservados ao Blog Recém Mãe| Design Por Take It